Conecte-se conosco

Destaques

INFLUÊNCIAS E INTERFERÊNCIAS ATRAPALHAM CONVOCAÇÕES por Lucas Neto

Publicado

em

Compartilhar

Olá amigos do Orbisnews.

Já temos que pensar na nossa Seleção, seu futuro, classificação para o Mundial de 2026 que será disputado no México, Estados Unidos e Canadá.

Por ora Fernando Diniz é o técnico. Sabe-se que em junho do ano que vem, quando terminar o contrato de Carlo Ancelotti com o Real Madri, o vencedor treinador italiano é o nome para comandar a nossa equipe. Ednaldo Rodrigues, presidente da CBF já deixou claro, inúmeras vezes que esse é nome para tentarmos o hexa.

Em nossa coluna anterior enfatizei que, hoje, não somos mais os MELHORES DO MUNDO.
Acredito que essa verdade é aceita por 99% dos brasileiros.

Amigo irmão de longa data, desde os tempos de ginásio, Waldo Braga, brilhante jornalista, hoje aposentado, torcedor do São Paulo FC – brinco com ele dizendo que é brilhante “corneteiro” tricolor, passou-me um e-mail apontando evidências – infelizmente sempre presentes, faz tempo – nas convocações de nossas seleções.

Transcrevo trechos desse e-mail:
“Acho que há uma forte interferência de patrocinadores na convocação e escalação de jogadores e quiça do técnico. Num segundo aspecto acho que continuamos tendo talentos superiores à média mundial, mas que são mal formados desde o início (ainda crianças) com clara interferência dos empresários.

Acrescento – ele prossegue – que há necessidade premente de EDUCAR técnicos e todos da equipe quanto ao comportamento durante os jogos. É vergonhoso o que fazem para demonstrar força reclamando acintosamente dos árbitros incentivam os jogadores que também o façam.

Você, meu amigo, é o culpado por me dar liberdade de dar pitacos. Um abraço.”

São fatos que ele apontou e que devem ser levados em consideração.

Particularmente acho que um outro fator pesa em todas essas considerações. Faz tempo os jogadores convocados atuam no Exterior. Venceram, ótimo! Não venceram, voltando para os seus clubes, as cobranças são menores. Vida que segue. É claro que gostariam de ter vencido. Mas é diferente do que estar aqui, onde as cobranças são maiores. Onde vão encontraram torcedores…cobranças… é tudo diferente.

Vamos nos classificar para o próximo mundial.

Vamos torcer também para que esta nova geração seja vencedora.

Que os Deuses da bola nos brindem com novas alegrias e menos decepções.

Um abraço.
Lucas Neto

Continue lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2023 Portal Orbisnews | Direção Geral Jornalista Fausto Camunha | Todos os artigos são de responsabilidade de seus autores.