Conecte-se conosco

Esportes

As esperanças e desesperos dos paulistas no Brasileirão

Publicado

em

Compartilhar

Estou escrevendo esta minha coluna, conforme o fechamento do ORBISNEWS, antes da 29ª rodada do Brasileirão. A análise como chegam os nossos clubes nesta reta final da competição nos dão esperanças e, principalmente, preocupações.

Nas esperanças o Red Bull Bragantino, que é o segundo colocado na tábua de classificação com 7 pontos separando-o do primeiro colocado, o Botafogo que tem 59 (7 a mais que o Red Bull), pode surpreender e até ser campeão.

Pelo andar da carruagem o time de Bragança tem chance de – e pode – até sonhar com o título, ser vice ou até terceiro colocado. Façanha que é normal da marca Red Bull em todas as modalidades esportivas nas quais investe e coloca as suas equipes e/ou atletas. É um projeto excelente da empresa no mundo todo.

O Flamengo no Brasileirão está na 3ª posição com 50 pontos. Na sequência o 4º lugar é do Palmeiras com 47.

Palmeirenses com o Abél Ferreira vem de uma sequência de títulos, uma queda de produção e novamente crescendo com chances de melhorar o seu posicionamento nesta reta final do campeonato.

Apesar da crise política depois da última coletiva da presidente Leila Pereira e da demora na contratação de reforços, as coisas estão mudando. Ela prometeu investimentos, renovar o contrato com o treinador e permanecer na presidência por mais um mandato. Terá pela frente candidatos de oposição mas tudo indica será reeleita.

Na décima posição, o São Paulo que optou por usar suas forças máximas em outras competições sem o sucesso desejado, agora concentra todos os seus esforços no Brasileirão. Galgando posições garantirá presença em mais jogos e torneios no ano que vem.
Terríveis são as perspectivas que assombram e revoltam os torcedores do Corinthians e do Santos.

Organizadas corinthianas extrapolam com cânticos que ameaçam o elenco e a diretoria do clube. No estádio Néo Química em Itaquera, após o último empate, tentaram invadir os camarotes onde estavam os jogadores e dirigentes. Felizmente a Policia Militar impediu que isso acontecesse.

Os gritos de protesto foram ameaçadores: “Se o Corinthians cair, gente vai morrer”
No Santos a situação é triste. Agora na zona de rebaixamento e judiado com a goleada de 7 a1 imposta pelo Internacional de Porto Alegre. E, cá entre nós, goleada poderia ter sido maior. Marcelo Fernandes, bom treinador, vai ter que fazer milagres com o elenco em busca da recuperação e sair dessa fase.

A missão precisa ser geral do elenco, direção técnica, diretoria e das torcidas para evitar o rebaixamento. Unidos será mais fácil sair dessa ameaça. Com “caça às bruxas e procura de culpados” situação só irá piorar.
Um abraço.

Continue lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2023 Portal Orbisnews | Direção Geral Jornalista Fausto Camunha | Todos os artigos são de responsabilidade de seus autores.